Automotive Business
  
News Mobility Now

Notícias

Ver todas as notícias
Salão do Automóvel: mercado em baixa, novidades em alta

Eventos | 28/10/2014 | 08h00

Salão do Automóvel: mercado em baixa, novidades em alta

Apesar das quedas nas vendas, mostra não reflete desânimo

GUSTAVO HENRIQUE RUFFO, PARA AB

A edição 2014 do Salão do Automóvel São Paulo, que recebe o público de 30 de outubro a 9 de novembro, começa em clima de ressaca de eleições e com os pátios dos fabricantes abarrotados de carros que não são vendidos. Apesar disso, a quantidade de atrações e de expositores mostra que sobrou algum otimismo. Ou que, como indústria de ações de longo prazo, a automobilística não teve tempo de estampar abatimento nos estandes. Para os visitantes, o passeio vale a pena, como a lista de novidades abaixo revela.

Audi
Ainda sem o A3 de fabricação nacional, a alemã recorre a conceitos para chamar a atenção do público. Entre eles está o TT Offroad Concept e o Urban Concept, em versões fechada e conversível, chamada de Spyder. O Urban segue o conceito e-tron, com um motor elétrico para cada eixo e autonomia de 73 km. Além dos conceitos, os visitantes poderão ver o R18 e-tron, de competição, o A3 e-tron, híbrido com possibilidades de ser vendido no Brasil, e o novo A8. Fora do pavilhão, a marca fará um evento especial com modelos RS, a exemplo do que promoveu em 2012 com o R8.

BMW
Depois de ser a primeira marca do mundo a comercializar um flex turbo e de ser a primeira montadora a vender no Brasil um carro elétrico, o i3, a BMW terá em seu estande um modelo de encher os olhos: o i8, híbrido de alto desempenho. Além dele e do próprio i3, a empresa mostrará também o X4, uma versão “cupê” do utilitário X3, como o X6 está para o X5, e o M4, que muitos chamarão de M3 cupê, um modelo que a nova nomenclatura da marca eliminou.

Salão do Automóvel

MINI
No estande da Mini, toda a linha será apresentada, incluindo os modelos que ainda não haviam sido lançados em junho, quando foi mostrada a terceira geração. É possível que a versão de cinco portas do hatch, apresentada no Salão de Paris, também esteja no espaço, mas a Mini não confirmou. Até porque, na Europa, o modelo só estará à venda no final deste ano.

Chery
A primeira chinesa com fábrica no Brasil não vai deixar esse trunfo por menos e exibirá no salão seu primeiro produto nacional, o novo Celer, a segunda geração do QQ, confirmada para o primeiro semestre de 2015, e o Tiggo 5, que será produzido em Jacareí (SP), mas ainda sem data definida. A futura linha nacional será ladeada por importados, como o sedã Arrizo, e conceitos, como o Alfa, totalizando 14 modelos no estande de 1.089 m². Outra atração será a apresentação da filosofia iAuto (Intelligence Auto), que guiará a criação de novos produtos da marca, por meio de um painel especial. O inusitado ficará por conta de quatro flash mobs diários.

Citroën
A aposta da marca francesa, tanto no Brasil quanto na Europa, é em seu novo crossover, o C4 Cactus. No salão, ele será exibido ainda como conceito, apesar de já haver uma versão de produção em série.

Salão do Automóvel

Chrysler, Jeep e RAM
A fábrica será da Fiat, mas o principal produto de Goiana, o Renegade, será estrela do estande da Jeep. O novo utilitário esportivo pequeno brasileiro será exibido em suas três versões de acabamento, com dois motores e três câmbios, dois deles automáticos, de seis e nove marchas. A Dodge terá o Journey R/T cpm tração nas quatro rodas e a nova geração do Jeep Cherokee, já à venda, também estará presente. Para os fãs de off-road, haverá, fora do pavilhão, o Camp Jeep, onde vários modelos da marca poderão ser testados em obstáculos típicos de trilhas.

Fiat
A Fiat negou o quanto pode, mas não havia sentido em não vender no Brasil a versão mais nervosa do 500, a Abarth. Fabricada no México, ela será exibida no estande da empresa, assim como o 500 elétrico, este sem a menor chance de ser vendido por aqui. Criado para os EUA, ele dá prejuízo nas vendas, mas ajuda a atender metas de emissões no mercado norte-americano. A grande surpresa da marca, porém, será o FCC (Fiat Concept Car) 4, ainda sem imagens reveladas.

Salão do Automóvel

Ford
Na esteira da GM, que vende o Camaro no Brasil desde 2010, a Ford mostrará nesta edição do salão seu pony car, o Mustang. O esportivo começará a ser vendido por aqui a partir de 2015. Outras atrações da empresa são três conceitos do EcoSport (Storm, The Beast e Beauty) e o Edge Concept, que deu origem à nova geração do utilitário. Assim como a anterior, ela deve ser vendida em breve no país.

Geely
Em seu primeiro salão, a chinesa levará 11 carros ao evento. Serão unidades do EC7 sedã, já vendido no Brasil, do EC7 hatch, do GC2, modelo de entrada da marca, o GX2 (versão aventureira do GC2) e também o EX7, um SUV médio. A chance de os modelos todos serem vendidos no Brasil é alta. O único que não deve entrar na dança, pelo menos agora, é um modelo conceito que mostrará os futuros rumos de estilo da marca. A marca não revela o coceito, mas deve se tratar do KC Concept, que usa a plataforma CMA, a mesma que servirá a modelos da Volvo e que estreou no novo XC90.

GM A marca preferiu não adiantar suas atrações, mas a estrela do estande deve ser o Corvette. Em sua sétima geração, o esportivo foi cotado para vendas no Brasil no ano que vem. A GM nega que vá vendê-lo, mas a demanda surpreendente pelo Camaro talvez reserve surpresas. Além dele, também devem estar presentes a Spin aventureira, que provavelmente será chamada de Activ, o Cruze reestilizado e provavelmente algum modelo conceitual feito pelo Centro de Design no Brasil, uma tradição da empresa no salão.

JAC
A grande novidade da marca chinesa será o T6, um SUV de porte médio, com motor 2.0 flex, que deve começar a ser vendido pouco depois do salão. O T4, um SUV compacto, também estará presente, mas só deve chegar às concessionárias em meados do ano que vem. O sedã J5, reestilizado, será outro produto que atrairá a atenção. A JAC promete renovar toda a sua linha até o final de 2015.

Honda
A volta de um dos esportivos mais queridos do país, e agora em versão cupê, será uma das atrações da Honda no salão. Dois anos depois de deixar de ser produzido, o Civic SI volta importado e com motor 2.4 de 205 cv. Outra surpresa da marca será seu SUV compacto, o HR-V, que tem fabricação brasileira confirmada, provavelmente apenas na nova fábrica de Itirapina, em São Paulo.

Salão do Automóvel

Hyundai
Entre os nacionais, a coreana terá apenas um show car baseado no HB20, mas a parte de importados, conduzida pela CAOA, terá mais novidades a apresentar. Uma das mais importantes deve ser o SUV compacto ix25, revelado na China e candidatíssimo a fabricação nacional. A segunda geração do ix35, prestes a sair do forno, também seria uma novidade mundial de peso, mas ela deve ser guardada para salões de mais relevância internacional.

Jaguar Land Rover
As britânicas controladas pela Tata mostram que são rápidas no gatilho. Depois de a Land Rover mostrar em Paris o Discovery Sport, modelo que será fabricado no Brasil, e a Jaguar mostrar o XE, sedã que enfrentará Mercedes-Benz Classe C e BMW Série 3, as empresas confirmaram que os exibirão também no Salão do Automóvel.

Kia
Em um estande de 2.168 m², a coreana mostrará duas novidades de peso: a nova geração do Sorento e a minivan Carnival. Além deles, outros 21 carros da linha estarão expostos, como o Optima Hybrid e a versão totalmente elétrica do Soul de segunda geração.
Lexus
O novo SUV médio da marca, o NX, será a atração principal do estande da Lexus. As vendas do modelo no Brasil, que tem motor 2.0 turbo e 2,66 m de entre-eixos, começam em março de 2015 em duas versões, Luxury e Sport. Outro carro de encher os olhos é o RC, um cupê que ainda não tem previsão de vendas nas duas concessionárias da marca por aqui, mas que, a depender da demanda, pode entrar rapidinho no catálogo brasileiro.

Lifan
Esqueça da Lifan antes do X60. O SUV médio com preço de compacto está vendendo bem e agrada por espaço e equipamentos. Além dele e do sedã 530, a marca chinesa aproveitará o salão para exibir o X50, um SUV compacto que deve ter preço extremamente competitivo, e o sedã 820, sedã médio-grande do porte do Ford Fusion. Se for vendido no Brasil, a preço de carro médio, fará estrago: o carro é bem bonito.

Mercedes-Benz
O futuro SUV nacional da Mercedes-Benz, em Iracemápolis (SP), será o ímã das multidões no estande. O GLA usa a mesma plataforma do CLA e do Classe A e deve ser vendido aqui antes, como importado. Os produtos Mercedes-Benz com vocação esportiva, chamados de AMG, terão espaço próprio. Não seria surpresa ver por ali o AMG GT, sucessor do SLS. Certeza mesmo é o S 63 AMG Coupé, bonito de qualquer ângulo.

Salão do Automóvel

Mitsubishi

Quem quiser antecipar a aparência dos futuros Pajero só precisa ver o Concept GC PHEV no estande da Mitsubishi. Se não forem exatamente iguais, serão muito parecidos. Voltando ao presente, a marca japonesa mostrará o Lancer fabricado no Brasil, o ASX R, de rali, e o Outlander PHEV.

Nissan
Há um Godzilla que nunca ameaçou vir para nossas praias, mas a Nissan fabrica outro que tem até torcida tem para isso. Trata-se do GT-R, esportivo da marca japonesa reverenciado por fãs de automóveis do mundo todo. A marca não confirma as vendas do modelo no Brasil, mas, só de trazê-lo, já fará a alegria de muita gente. O novo Versa, reestilizado, ficará até acanhado.

Peugeot
Apesar de não ser exatamente uma novidade, o 2008, SUV compacto da Peugeot, é sério candidato a estrela do salão. Isso porque o mercado em que ele atua só tem, até hoje, Ford EcoSport, Renault Duster e um pouco competitivo Chevrolet Tracker. Fabricado no Brasil, o 2008 virá com apetite e tecnologia para fazer estrago. A versão comum será acompanhada da Hybrid Air, um tipo de híbrido que usa ar comprimido para poupar combustível, e o DKR, para competir no Rally Dakar. Seu motor V6 3.0 turbodiesel de 340 cv vai despertar inveja nas versões de produção.

Porsche
Há quem já tenha tido a sorte de ver o 918 Spyder preto fosco que roda por São Paulo, mas a maioria só poderá admirar essa maravilha de engenharia no estande da Porsche. Ali também estará o 919 Hybrid, de corrida. Outra novidade, o Cayenne reestilizado, só será vendido em 2015, mas fará uma aparição prévia no salão.

Renault
Quando a Renault tirar os panos de cima de seu show car, vai causar um tremendo rebuliço na imprensa. Isso porque ele será baseado no Duster e terá a forma de uma… picape. O show car será apenas a antecipação da picape de produção em série da montadora francesa, esperada para 2015. A picape será acompanhada pelo Fluence reestilizado, agora muito mais atraente do que o modelo anterior, e do Sandero Stepway, agora em sua segunda geração. Outro conceito, mas feito lá fora, será o Kwid, um SUV compacto criado sobre a plataforma V, a mesma do Nissan March. Até poderia haver um SUV menor do que o Duster, mas ele teria de ser muito mais barato, algo difícil de imaginar.

Subaru
A Subaru, que deve ganhar mais relevância dentro do grupo CAOA, virá com as versões WRX e WRX STI do Impreza como suas atrações principais. Bem que poderia mostrar também o esportivo BRZ, mas as possibilidades são remotas.

Toyota
Tradicionalmente discreta, esta japonesa mostrará no salão um carro que promete revolucionar: o FCV. Sigla de Fuel Cell Vehicle, ele será o primeiro modelo com pilhas a combustível a ser comercializado como um carro comum. Antes dele, os veículos com pilha a combustível só foram usados por consumidores comuns por meio de leasing, como no Honda FCX Clarity. Outro modelo interessante será o conceito FT1.

VW
Uma das principais atrações da marca no Anhembi será o novo Jetta, sedã atualmente importado do México e que passará a ser produzido também na fábrica de São Bernardo do Campo (SP), ainda no primeiro semestre de 2015. Também estarão no Anhembi todas as versões da linha Fox, recentemente remodelada, que no salão ganha a companhia das carrocerias tipo perua. As novas SpaceFox e SpaceCross serão mostradas com o mesmo design renovado na dianteira e no interior, que deixaram o modelo em linha com a identidade visual global da marca.

Salão do Automóvel

Esta cobertura do Salão do Automóvel de São Paulo é patrocinada pela MWM International



Tags: Salão do Automóvel, São Paulo, lançamentos, novidades.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

Mobility Now