Automotive Business
  
News Mobility Now

Notícias

Ver todas as notícias
Cosan expande rede Zip lube no Brasil

Aftermarket | 08/06/2016 | 18h45

Cosan expande rede Zip lube no Brasil

Até o fim do ano a franquia passará de 40 para 70 pontos de venda

MÁRIO CURCIO, AB

A rede Zip lube deve crescer das atuais 40 lojas para 70 unidades até o fim do ano. A Cosan, proprietária da franquia, percebeu a oportunidade de ampliação porque a queda no mercado de novos movimenta a manutenção dos usados: “Cerca de 65% da frota circulante tem mais de quatro anos de uso”, afirma o gerente de operações da Zip lube no Brasil, Lucio Guedes.

A franquia existe desde 2013. Está em São Paulo e outros três Estados. Uma nova loja será aberta em Caxias do Sul (RS). A intenção é ampliar sobretudo os pontos da cidade de São Paulo e entrar também em mais Estados. O potencial de venda de lubrificantes estimula o apetite da Cosan pela ampliação da rede: “Um pequeno ponto que vendia de 100 a 300 litros de Mobil por mês passa seguramente a mais de mil litros”, afirma Alexandre Serra, gerente para São Paulo. A loja da foto, J.A. lube, aplica cerca de 3 mil litros de óleo Mobil por mês. Antes de se tornar franqueado o volume era um décimo disso.

Segundo a Cosan, as lojas convertidas têm se mostrado uma opção promissora para os franqueados da capital paulista: “Esse formato alavanca em mais de 20% o ticket médio das revendedoras, um dado acima do mercado”, afirma Almeida. O franqueado mantém seu nome anterior. As duas marcas coexistem na fachada. A franquia é voltada para veículos leves, utilitários e motos. Também pode ser montada em postos de gasolina e concessionárias. E o lojista pode vender outras marcas de lubrificante além da Mobil, mas esta é sempre a primeira opção oferecida ao motorista.

“A rede é formada por pontos de venda em corredores ou áreas de alto fluxo de veículos. A avaliação de um local considera até mesmo a velocidade média em que os carros trafegam por ali”, diz Guedes. A franquia foi criada para municípios com frota de 50 mil veículos ou mais. Pode ser adotada em pontos a partir de 150 metros quadrados, utilizando valetas ou elevadores. O investimento inicial vai de R$ 150 mil a R$ 350 mil, dependendo do modelo de loja.

Além da troca de óleo e filtros a franquia está apta a substituir palhetas, lâmpadas, baterias, aditivos e também a realizar rodízio de pneus e alinhamento de faróis, bem como manutenção no sistema de arrefecimento e no ar-condicionado. Durante a troca de óleo o carro tem seus dados cadastrados e é feita uma checagem de 20 itens. E a equipe também limpa os vidros e aspira o interior do carro.

O cliente tende a voltar tanto pelo tratamento camarada como por lembretes sobre a necessidade novas trocas ou serviços.

Veja abaixo a entrevista com Alexandre Serra, gerente de operações em São Paulo:



Tags: Zip lube, franquia, Lucio Almeida, Cosan, Mobil, Alexandre Serra.

Comentários

  • NilsonRosa Da Silva

    Gosteimuito da nova modernidade como fazer pra consegui uma franquia de troca o óleo com VOCÊS?e gual o investimento gue preciso?

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

Mobility Now