Automotive Business
  
News Mobility Now

Notícias

Ver todas as notícias
Sindicato pressiona Anfavea por paralisações
Luiz Carlos de Moraes, da Anfavea: presidente da entidade participou de reunião virtual com o Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

COVID-19 | 19/03/2021 | 16h20

Sindicato pressiona Anfavea por paralisações

Em reunião com metalúrgicos do ABC, associação diz que decisão deve ficar a cargo de cada montadora

REDAÇÃO AB

Lideranças da Anfavea (associação das montadoras) e do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC (SMABC) participaram de uma reunião nesta sexta-feira, 19, para discutir medidas para enfrentar o agravamento da pandemia no Brasil, que tem ameaçado a produção e os empregos do setor. O encontro virtual contou com a participação de Luiz Carlos de Moraes, presidente da Anfavea, e Wagner Santana, presidente do sindicato.

O sindicato cobrou paralisação das fábricas para conter o avanço da doença, que só na região do ABC matou mais de 5 mil pessoas. Segundo Wagner Santana, não houve um acordo para conseguir a paralisação imediata de todas as fábricas do País. No entanto, segundo o sindicato, a Anfavea se comprometeu a orientar suas associadas “a abrir negociação com os sindicatos responsáveis por cada planta produtiva, para discutir a situação e a possibilidade de parada, caso a caso”.

Em comunicado oficial, a Anfavea afirmou que, sobre a “possibilidade de paralisações espontâneas nas fábricas, a decisão está a cargo de cada montadora, sempre em avaliação da situação sanitária de cada região do país, e em diálogo com os respectivos sindicatos de trabalhadores.”

Na reunião, foram discutidos alguns pontos do documento que o SMABC entregou na terça-feira à Anfavea e ao Sindipeças (sindicato das fabricantes de autopeças) no qual propunha um “acordo emergencial em defesa da vida e do trabalho” (leia aqui), ação tomada em função do “descaso do governo federal em relação à gravidade da situação”, segundo o sindicato. Entre as propostas defendidas, estava a paralisação das linhas de produção para garantir o isolamento físico dos trabalhadores.

Na quinta-feira, o Sindicato dos Metalúrgicos do ABC já havia se reunido com outras lideranças trabalhistas, como CUT (Central Única dos Trabalhadores) e FUP (Federação Única dos Petroleiros), e entregaram em Brasília um documento ao presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, cobrando medidas de emergência diante do aumento de casos da doença e apresentando as propostas dos trabalhadores.

Além da defesa do isolamento social, a pauta falava de programas de proteção ao emprego e renda, a compra de vacinas pelas empresas para doação ao SUS em um primeiro momento, apoio privado ao sistema público de saúde, reconversão industrial e crédito para as empresas da cadeia produtiva das montadoras.



Tags: Covid-19, Pandemia, Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, Anfavea, Sindipeças, Proposta, Vacinas, Saúde..

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

Mobility Now