Automotive Business
  
News Mobility Now

Notícias

Ver todas as notícias
Ford Ranger Black esgota em 24 horas
Primeiro lote da Ford Ranger Black tinha motor a diesel e tração 4x2

Lançamentos | 31/03/2021 | 15h29

Ford Ranger Black esgota em 24 horas

Bastou um dia para vender lote de 100 unidades da picape tabelada em R$ 180 mil

REDAÇÃO AB

A Ford anunciou que bastou um dia para se esgotar o lote de 100 unidades da nova Ranger Black, lançada na última sexta-feira, 26. A versão da picape importada da Argentina foi vendida por R$ 179.900 em uma configuração única, com motor a diesel 2.2 de 160 cv, tração 4x2 e cabine dupla.

Esse primeiro lote ainda contava com um pacote especial de acessórios, que é composto por capota rígida elétrica, protetor de caçamba e rede porta-objetos, que normalmente seriam vendidos como equipamentos opcionais.

Parece que o mercado de picapes vive um bom momento, pois outro lançamento recente também esgotou em pouco tempo: em dezembro, a Ram 1500 Rebel teve o lote de 100 unidades todo vendido em apenas 18 horas (leia aqui), com a diferença que a picape americana custava R$ 420 mil.

O visual da Ranger Black é marcado pela cor preta na carroceria e no interior, com detalhes foscos e brilhantes e bancos de couro. A lista de equipamentos de série inclui sete airbags, ar-condicionado de dupla zona, piloto automático, controle de tração e estabilidade, controle adaptativo de carga, sistema anticapotamento, sistema de controle de reboque, assistente de partida em rampa, central multimídia SYNC 3 com tela de 8 polegadas e sistema que permite travar/destravar portas e ligar o ar-condicionado pelo celular.

A Ranger Black é o primeiro lançamento da Ford depois de anunciar que fecharia suas fábricas no Brasil e passaria a ser apenas uma importadora de veículos, em janeiro (leia aqui). Mas o primeiro grande lançamento será o Bronco Sport, que a Ford já confirmou que será lançado em maio. (leia aqui)

.

Comentários

  • Denis

    Beloveículo, com um preço que marca a nova estratégia da marca no Brasil. O volume de vendas será cada vez menor. A Ford não quer mais a classe média.

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

Mobility Now

ABTV

Mobility Now