Automotive Business
  
News Mobility Now

Notícias

Ver todas as notícias

Mercado e Negócios | 24/08/2010 | 00h00

Marchionne: será difícil a Chrysler lucrar em 2010

CEO afirma que há ‘carga pesada’ no pagamento de débitos.

Automotive Business

NOTÍCIAS AUTOMOTIVAS EM QUALQUER LUGAR
Email RSS Twitter WebTV Revista Mobile Rede Social

Redação AB

Sergio Marchionne, CEO da Chrysler, disse na segunda-feira que será difícil a empresa registrar lucro no balanço deste ano. A fabricante, que emergiu da concordata em junho de 2009, sob o controle da Fiat, registrou perda de de US$ 197 milhões no primeiro trimestre e de US$ 172 milhões nos três meses seguintes.

O executivo disse estar satisfeito com o desempenho geral da empresa no esforço de recuperação, que estaria acima do planejado. Ele teve um encontro com jornalistas durante a visita do vice-presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, à fábrica da Chrysler em Toledo, Ohio.

Marchionne não fez referência a um evento IPO pela empresa, mas já disse que aguardaria o resultado da oferta da General Motors para venda de ações. Ele comentou, no entanto, que há um custo alto a carregar para o pagamento dos débitos ao Tesouro norte-americano.



Tags: Sergio Marchionne, Chrysler, IPO, General Motors, lucro, balanço, concordata.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

Mobility Now