Ativistas planejam intervir no Salão do Automóvel de Munique

IAA Mobility, que começa em 7 de setembro, promete abordar mobilidade, sustentabilidade, eletrificação e outros assuntos

Por REDAÇÃO AB
  • 12/08/2021 - 19:00
  • | Atualizado há 2 semanas, 1 dia
  • 53 segundos de leitura


    O IAA Mobility, salão do automóvel alemão que saiu de Frankfurt e terá sua primeira edição em Munique sob a roupagem da mobilidade, está programado para acontecer entre 7 e 12 de setembro. No entanto, o site Automotive News reporta que um grupo de ativistas ambientais chamado Sand In The Gears (“areia nas engrenagens”) pretende realizar manifestações e tentar arrefecer o evento.

    Os ativistas estariam reivindicando atitudes mais efetivas das montadoras em relação ao aquecimento global. Embora a propulsão alternativa seja um tema bastante presente na pauta do salão, os manifestantes teriam dito ao Autonews que “os carros elétricos não são uma solução nem do ponto de vista social e nem do ambiental”. O site, entretanto, não cita a fonte da declaração. Na internet, a hashtag #sandinthegears é usada prioritariamente por uma galeria de arte da República Checa.

    Com cinco dias de evento, o IAA está se propondo a ir muito além de uma feira para exibir carros. O evento terá palestras sobre temas como smart cities, sustentabilidade, eletrificação, cibersegurança, mobilidade, inteligência artificial, realidade virtual e esports.