Caminhões poderão viajar por estradas eletrificadas na Europa

Siemens e Continental vão implementar cabos suspensos energizados para veículos pesados viajarem sem parar pada fazer recarga da bateria

Por REDAÇÃO AB
  • 03/08/2021 - 17:41
  • | Atualizado há 1 mês, 1 semana
  • um minuto de leitura


    Um projeto da Continental e da Siemens revive princípios ferroviários em prol de viagens mais sustentáveis de caminhões na Europa. A tecnologia eHighway fornece a caminhões com acionamentos elétricos (bateria, híbrido ou hidrogênio) energia em trechos da rodovia por meio de cabos suspensos, permitindo viajar enquanto carregam a bateria.

    Para conectar os caminhões com os cabos, as empresas estão desenvolvendo pantógrafos, dispositivo é instalado no topo do veículo (como nos trens e trólebus) que se conectam automaticamente à rede elétrica. As peças serão vendidas em grande escala para montadoras.

    O segredo da eHighway, a estrada eletrificada, é que nem todos os quilômetros de rodovia precisam ter cabos de energia. A ideia se baseia no princípio ferroviário que diz que apenas 60% da rede precisa ser energizada.

    Na Alemanha, as empresas pretendem instalar cabos aéreos eletrificados ao longo de 4 mil quilômetros de rodovias interestaduais até 2030. O objetivo de reduzir a emissão de CO2 pelos veículos pesados, conforme o regulamento da União Europeia.

    Segundo um estudo do Ministério Federal dos Transportes da Alemanha, a instalação de cabos energizados nessa extensão de rodovia pode reduzir as emissões de CO2 em até 12 milhões de toneladas por ano, considerando que a eletricidade seja obtida por fontes renováveis.

    A nova parceria reúne a experiência de dois mundos da tecnologia: a Siemens Mobility, especialista em eletrificação ferroviária, e da Continental Engineering Services, fornecedora de serviços de desenvolvimento e produção de tecnologias automotivas sofisticadas.